Cidades do MS registram 23% em umidade relativa do ar e Inmet emite alerta para cuidados

Região do extremo norte deve registrar chuvas no decorrer do dia
| 11/02/2022
- 11:17
Ilustrativa
(Foto: Chico Ribeiro/Divulgação Governo do Estado)

A previsão para a maior parte dos municípios de nesta semana é de tempo firme e com variação de nebulosidade, provocada pela atuação de um sistema de alta pressão, o que favorece tempo quente e seco. O (Instituto de Meteorologia) emitiu dois alertas de risco para o Estado, para esta sexta-feira (11).

Conforme o monitoramento, a região de extremo norte do Estado pode registrar temporais de chuvas intensas, acompanhadas com ventos de 60 a 100 km/h e de 30 a 60 mm/h. As cidades que podem registrar chuva são: Costa Rica, Cassilândia, Paranaíba, Pedro Gomes e Sonora. O alerta é de nível laranja, com grau perigoso de risco para alagamentos, queda de árvore e descargas elétricas.

Diferente, na região centro-sul do Estado, o clima deve ser quente e de baixa umidade relativa do ar. A cidade de Jardim registrou nas últimas 24h a menor umidade relativa do ao em MS. O tempo seco deve continuam e o município pode ter 23% hoje. As cidades de Rio Brilhante, Ivinhema e Angélica também estão na lista de cidades em alerta.

As orientações principais são: tomar bastante líquido, principalmentr água; evitar atividades físicas que podem ser nocivas com o tempo seco, assim como evitar exposição ao sol dentre as 9h às 16h; usar hidratantes corporais e umidificar os ambientes; e evitar bebidas diuréticas como café e álcool também estão na lista de recomendações.

Veja também

Preço médio foi estimado em uma pesquisa feita em 20 postos de combustíveis e levou em consideração redução de alíquota de ICMS, de 20% para 17%

Últimas notícias