Em 5º lugar entre estados em violência doméstica, caminhada pela paz será feita na sexta

A cada hora uma mulher é assassinada
| 25/04/2017
- 19:26
Em 5º lugar entre estados em violência doméstica, caminhada pela paz será feita na sexta

A cada hora uma mulher é assassinada

Nesta terça-feira (25), a juíza e Coordenadora Estadual de Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça do Estado, Jacqueline Machado convocou a população para a ‘Caminhada da Paz’, na próxima sexta-feira (28).

Jacqueline ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado para falar e convocar a população.  “O objetivo é focar na prevenção. Fazer com que mais mulheres tomem coragem e denunciem”, explicou.

Segundo a juíza 52% das mulheres denunciam a violência que sofrem, mas é necessário que as vítimas entendam que quando se fala de violência doméstica também se fala da violência psicológica que sofrem.

Dados do Datafolha apontam que a cada hora uma mulher é morta vítima de violência doméstica, e Mato Grosso do Sul ocupa o 5º lugar entre os estados nas estatísticas.

A caminhada será feita na sexta-feira (28) às 16 horas saindo do fórum da Capital, na Rua Da Paz.

Dados

De acordo com dados da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul) de janeiro até o dia 25 de abril foram registrados no Estado 1.711 casos de violência doméstica e 555 na Capital. 

Feminicídio

Na  manhã desta terça-feira (25) morreu a recepcionista Pâmela Jeniffer, de 32 anos, depois de passar 32 dias internada na Santa Casa da Capital. Ela foi ferida a tiros pelo ex-marido, de 33 anos, no seu local de trabalho, no dia 23 de março, na Avenida Mascarenhas de Moraes.

Veja também

Últimas notícias