Bolsonaro cancela agenda na Guiana e volta ao Brasil para o sepultamento de sua mãe

Bolsonaro comunicou que vai voltar ao Brasil para se despedir da mãe
| 21/01/2022
- 17:48
Bolsonaro ao lado de sua mãe
Bolsonaro ao lado de sua mãe - Divulgação

A viagem do presidente Jair Bolsonaro para Guiana, que aconteceria nesta sexta-feira (21) com objetivo de se reunir com o presidente da República Cooperativa da Guiana, foi cancelada devido à morte da mãe do chefe do Executivo do Brasil, Olinda Bolsonaro de 94 anos.

Olinda Bolsonaro estava internada no Hospital São João na cidade de Registro, interior de São Paulo, desde a última segunda-feira (17). Ela estava na ala de apartamentos particulares na unidade de saúde, onde passaria por exames. Seu estado de saúde ainda não havia sido divulgado.

Bolsonaro desembarcou nessa quinta-feira (20) em Paramaribo, capital do Suriname, para tratar de questões comerciais com o país. A viagem para Guiana aconteceria ainda nesta sexta-feira (21), até o comunicado do falecimento de sua mãe. Assim, o presidente decidiu suspender o compromisso para comparecer ao enterro, que vai ocorrer no município de Eldorado (SP).

"Com pesar o passamento da minha querida mãe. Que Deus a acolha em sua infinita bondade", escreveu o presidente, dizendo estar se preparando para retornar ao Brasil.

(Com supervisão de Guilherme Cavalcante)

Veja também

O lucro líquido das operações continuadas da Eletrobras avançou 69% no primeiro trimestre de 2022,...

Últimas notícias