A (Polícia Militar Ambiental) autuou um proprietário rural por explorar vegetação nativa sem a devida licença ambiental na última segunda-feira (02), na zona rural de Coxim, cidade a 253 quilômetros de .

De acordo com a polícia, após denúncia anônima, a PMA de Coxim deslocou-se até uma propriedade rural para verificar as informações repassadas e constatou que, no local, foi realizado o corte de 121 árvores nativas, das essências Angico e Carvão Branco, que foram transformadas em poste e lascas usados na confecção de cercas para a propriedade.

Durante diligências pelo local, a equipe contabilizou 1.624 postes e 1.545 metros de cerca já construída. Ao ser indagado sobre a licença para o corte das árvores, o proprietário informou não possuir nenhum documento que autorizasse a exploração da referida vegetação.

Diante dos fatos, o homem foi autuado administrativamente em R$ 36.300,00 pelas irregularidades constatadas.

Saiba Mais