A Polícia brasileira e do continua as buscas pelos dois detentos que fugiram da carceragem da Delegacia de Polícia Civil de , a 313 quilômetros de na noite de sexta-feira (12). Um tentou fugir, mas foi baleado e capturado. Ele foi socorrido em estado grave para o Hospital Regional de Ponta Porã.

Não há informações de como ocorreu a . Os outros dois que fugiram tentaram roubar um carro durante assalto, na Rua Jorge Roberto Salomão, mas quase foram atropelados pelo motorista do veículo. Então seguiram a pé para o lado paraguaio da fronteira, conforme apurado pelo site Ponta Porã News.

O homem capturado e baleado na fuga tinha sido preso durante a semana pela Polícia Nacional do Paraguai em Pedro Juan Caballero, mas foi expulso do país. Ele, que é procurado pela Justiça de Minas Gerais, e utilizava documentos falsos.

O atual estado de saúde dele não foi informado. O boletim de ocorrência foi registrado como evasão mediante violência, homicídio simples e roubo majorado pela restrição de liberdade da vítima.