Um caso de exploração sexual de uma adolescente de 12  anos, que teve a investigação iniciada em São Paulo, passou também a ser investigada pela Polícia Civil de Três Lagoas, a 338 quilômetros de .

O caso é de uma mulher que estaria explorando sexualmente a filha. Informações preliminares são de que a mulher obrigava a adolescente a fazer programas sexuais, segundo o site RCN 67.

A polícia de Três Lagoas investiga o caso em conjunto com São Paulo depois que mãe e filha passaram a morar na cidade. O caso segue em investigação.