Vizinho matou homem no Aero Rancho para defender esposa de facadas e fica em liberdade

| 30/05/2022
- 12:54
Vizinho matou homem no Aero Rancho para defender esposa de facadas e fica em liberdade
Carlos foi morto a facada em casa - Foto: Henrique Arakaki, Midiamax

Preso em pelo assassinato de Carlos Andrade da Silva, de 43 anos, homem de 37 anos confessou o crime, mas alegou que agiu em legítima defesa, após tentar defender a esposa de agressões do vizinho. O homicídio aconteceu no Aero Rancho na noite do último sábado (28).

Em relato aos policiais do GOI (Grupo de Operações e Investigações), o suspeito contou que estava em casa com a esposa, quando ouviu a vizinha idosa ser ameaçada por Carlos Andrade. O homem dizia que iria agredir a mulher com pauladas.

Assim, o vizinho telefonou para um policial militar, que o orientou a ligar para o 190. Ele ligou para a PM, mas a mulher foi até a casa da vizinha. Assim, ela passou a ser ameaçada por Carlos, que estava armado com uma faca.

O vizinho foi defender a mulher e entrou em luta corporal com Carlos, ficando ferido em alguns locais do corpo. Ele acabou conseguindo desarmar o homem e o golpeou uma vez. O golpe de faca matou Carlos Andrade.

No domingo (29), o autor do crime foi preso em flagrante no Guanandi II. Ele passou por audiência de custódia nesta segunda-feira (30) e foi liberado provisoriamente. Assim, responderá em liberdade devendo se apresentar mensalmente em juízo.

Era um vizinho tranquilo

Os vizinhos de Carlos Andrade falaram para o Jornal Midiamax que ele era um homem tranquilo. Uma moradora que vive há pouco na região falou que Carlos era muito calmo.

Outro morador disse que Carlos não recebia muitas visitas e que não tinha algazarras na sua casa, sendo um vizinho tranquilo. Testemunhas ainda disseram que não ouviram discussão antes do crime e não sabem dizer o que poderia ter ocorrido.

A irmã da vítima compareceu ao local do assassinato, após a chegada da Perícia e do delegado responsável, e informou que seu irmão teria se desentendido com um vizinho conhecido do bairro, que mora no imóvel ao lado.

A vítima também teria ferido o autor, e foram localizados um celular, uma carteira com cartões de banco e R$ 3,20, além do RG de Carlos. A perícia constatou uma lesão no lado direito do peito.

Veja também

Dois presos fugiram do Centro Penal Agro-Industrial Gameleira, nesta domingo (26), em Campo Grande. De...

Últimas notícias