Covid avança entre detentas e sindicato solicita transferência e fechamento de delegacia para desinfecção

De acordo com o sindicato, duas detentas testaram positivo para covid na última sexta-feira (21)
| 25/01/2022
- 01:53
Reprodução
Reprodução

Presidente do (Sindicato dos Policiais Civis de Mato de Grosso do Sul), Alexandre Barbosa, e o diretor jurídico, José Nascimento da Silva Sobrinho, protocolaram nesta segunda-feira (24) um ofício no Juízo Criminal da comarca local solicitando medidas por causa da confirmação de casos de covid-19 entre detentas do 1º Distrito Policial de Aquidauana, cidade a 141 quilômetros de Campo Grande.

“Precisamos garantir o atendimento a esses presos, a preservação da saúde dos policiais e da população de um modo geral”, diz Alexandre. O sindicato já havia protocolado ofício solicitando que não ocorresse impedimento na transferência de presos, anunciado pelo diretor do estabelecimento penal local que não seriam mais recebidos diante das infecções por e Covid.

De acordo com o sindicato, duas detentas testaram positivo para covid na última sexta-feira (21). No sábado, outras duas passaram a apresentar sintomas e hoje já são seis com o mesmo quadro.

Sem atendimento médico ou ambulatorial, o Sindicato aponta necessidade emergencial de transferência de todos os presos da unidade para os respectivos estabelecimentos penais e interdição do prédio para desinfecção.

Veja também

Equipe de Patrulhamento Rural da Polícia Militar foi acionada para realizar atendimento de ocorrência na...

Últimas notícias