Ainda na manhã desta segunda-feira (27), morreu o boliviano Orlando Willian Lopes Ledezma, de 45 anos, em Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande. Após um surto, ele agrediu a mãe, a esposa e o filho de 10 anos a marteladas e depois provocou lesões no próprio corpo.

A princípio, Orlando deu entrada no pronto-socorro, foi direto para a emergência, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar. Já a mãe dele, segundo o site Diário Corumbaense, está em estado grave no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa.

Surto e agressões

No início da manhã, o homem teria tido um surto, quando pegou um martelo e começou a dar golpes nos familiares. Com isso, deixou a mãe em estado grave e provocou ferimentos mais leves na esposa e no filho de 10 anos.

Em seguida, Orlando pegou uma faca e uma tesoura e deu golpes no próprio pescoço e abdômen. Assim, Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) estiveram no local, além de Polícia Militar.

No momento da ocorrência a rua foi interditada e a suspeita é de que Orlando estava sob efeito de drogas. Agora, o caso será investigado pela Polícia Civil.