Explosão no metrô na Rússia deixa ao menos 10 mortos, diz agência russa

Vladimir Putin, que está na cidade, não descartou a possibilidade de atentado terrorista
| 03/04/2017
- 15:50
Explosão no metrô na Rússia deixa ao menos 10 mortos, diz agência russa

Vladimir Putin, que está na cidade, não descartou a possibilidade de atentado terrorista

Uma explosão nesta segunda-feira (3) no metrô de São Petersburgo, na , deixou ao menos dez mortos e vinte feridos segundo informações preliminares da agência estatal de notícias TASS. Outra agência do governo, a RIA Novosti , afirmou que aparentemente uma segunda estação na cidade também foi atacada.

As emissoras locais mostram imagens de caminhões de bombeiros e ambulâncias nos arredores da estação Sennaya Ploschad. A administração do metrô de São Petersburgo informou que três estações foram fechadas.

O presidente russo, Vladimir Putin, que está em São Petersburgo nesta segunda, onde deveria se encontrar com o presidente da Bielo-Rússia no fim do dia, comentou o incidente no metrô da cidade. Ele afirmou que há mortos e feridos e expressou suas condolências às famílias das vítimas.

Putin disse ainda que já conversou com os responsáveis pelos serviços de segurança no país, que estão tentando determinar a causa do incidente. Ele disse que no momento todas as hipóteses, incluindo terrorismo, são consideradas.

​Nas redes sociais, imagens e relatos também confirmaram a explosão. As fotos publicadas no Twitter mostram a porta de um dos vagões retorcida e várias pessoas caídas na estação.

Veja também

Assessoria informou que as doações foram passadas para uma das instituições de caridade de Charles

Últimas notícias