Ponta Porã completa 110 anos de emancipação nesta segunda-feira (18), contrastando entre comércio, tráfico de drogas, execuções constantes e a mistura das culturas paraguaia e brasileira, evidenciando sempre a pluralidade do população.

Enquanto alguns sentem medo e partem para outras regiões, outros se habituam e vivem bem na cidade fronteiriça, cheia de costumes e tradições, como a cultura enraizada do tereré, das comidas típicas, da música regional acentuada e do jeito simples de se viver.

Nascidos ou não no município, alguns nomes famosos já passaram por ali, fazendo sempre questão de citar Ponta Porã e o carinho que sentem pela princesinha dos ervais, figuras simbólicas para o lugar, assim como algumas personalidades que viraram marca registrada da cidade por terem nascido nesta terra plural.

Para celebrar os 110 anos de Ponta Porã, o MidiaMAIS separou uma lista com alguns nomes que quase imediatamente são associados ao município. Confira cada um deles e a relação que os mesmos têm com a cidade.

Thiaguinho

Nascido em Presidente Prudente em 11 de março de 1983, o cantor Thiago André Barbosa, mais conhecido como Thiaguinho, cresceu em Ponta Porã. A cidade da fronteira com o Paraguai o considera um filho ilustre, tanto que ao retornar para fazer um show há alguns meses, Thiaguinho avisou: “Aooo MS, teu filho tá de volta”.

Filhos de Ponta Porã
Thiaguinho em 2022 com Carol Peixinho e no passando, em desfile em Ponta Porã – (Fotos: Reprodução/Arquivo Pessoal)

Em entrevistas, o pagodeiro sempre menciona o passado ponta-porãense, assim como, sempre que pode, traz a companheira do momento para conhecer o lugar. Ele diz que conhece cada canto de Ponta Porã e inclusive sabe arriscar algumas palavras do Guarany, língua típica da fronteira. Abaixo, uma homenagem de Thiaguinho para a cidade onde cresceu:

Celso Portiolli

Natural de Maringá, Celso Yunes Portiolli tem 55 anos e passou boa parte da sua vida em Ponta Porã – um dos períodos mais marcantes de sua história, sempre muito frisado pelo apresentador do SBT. Ele começou a carreira no rádio e tornou-se líder de audiência e diretor de uma emissora local em Ponta Porã.

Santinho de Celso Portiolli em Ponta Porã – (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

Sua popularidade era tão alta em 1992 que, com apenas 24 anos, foi eleito vereador com uma das maiores votações do município. Em 1993, enviou uma fita para Silvio Santos com sugestões de câmeras escondidas para o “Topa Tudo por Dinheiro”, foi contratado e segue até hoje no SBT comandando o “Domingo Legal”. O carinho imenso e a gratidão de Celso por Ponta Porã são rotineiramente expressados pelo comunicador.

Damião Inácio

O ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva tinha um irmão declarado em Ponta Porã. Damião Inácio faleceu na última quarta-feira, dia 14 de julho, e também é uma figura que fará Ponta Porã ser lembrada. Apesar de não ter nascido no município da fronteira, ele escolheu a princesinha dos ervais como lar. Ficou conhecido em 2004, quando Lula, na época presidente, visitou o Assentamento Itamarati.

damião irmão lula
Damião faleceu vítima de AVC na semana passada – (Foto: Arquivo Pessoal)

No período da visita de Lula a Mato Grosso do Sul, a família sul-mato-grossense entregou para ele uma série de documentos que comprovariam o parentesco. Damião seria filho do primeiro casamento do pai de Lula. Embora os traços físicos fossem semelhantes e o sobrenome também, o idoso não era reconhecido como irmão oficial do político, com base na reportagem da revista Isto é Gente.

Eram declarados oficialmente 10 irmãos por parte de pai, conhecidos como Beto (pastor), Jackson (mestre-de-obra), Maria (dona de casa), Germano (taxista e detetive), Rubens (falecido), Ledinava (dona de casa), Guilhermina (doméstica), Odair (pintor), Marina (doméstica) e João (balconista de padaria).

Danilinho

Danilo Verón Bairros, mais conhecido como Danilinho, é um famoso jogador de futebol nascido em Ponta Porã, em 11 de março de 1987. Ele atua como meia e atualmente joga no Atletich Club.

Aos 16 anos, foi para a Europa jogar no clube alemão Schalke 04, mas, pela pouca idade e dificuldade na adaptação, não obteve sucesso. Voltou para o futebol brasileiro em 2004, quando teve passagens discretas pelo Mirassol, Santos e Atlético Mineiro.

Danilinho quando assinou com o novo time – (Foto: Fernanda Trindade/ Athletic Club)

Desde dezembro de 2021, é o mais novo reforço do Athletic Club para a disputa do Campeonato Mineiro 2022. O atleta, que também possui passagens pela Seleção Brasileira de Base, coleciona ainda conquistas no futebol mexicano, possuindo passagens pelos grandes Fluminense e Santos no Brasil.

Em dezembro de 2016, Danilo foi intimado e detido por um oficial de justiça pelo não pagamento de pensão alimentícia no CT do Tricolor. Antes disso, o atleta já tinha se envolvido em outros problemas, como quando atuava pelo Tigres do México e foi acusado de estupro e ameaça de morte por uma mulher de 18 anos. Também recebeu outras acusações de agressão física por um término de namoro no mesmo país.

Acha que faltou alguém nessa lista? Mande para WhatsApp do MidiaMAIS quem você acha que deve ser incluído na lista dos “Filhos de Ponta Porã”.

Fale com o Midiamax

Tem alguma denúncia, flagrante, reclamação ou sugestão de pauta para o Jornal Midiamax? Envie direto para nossos jornalistas pelo WhatsApp (67) 99207-4330. Acima de tudo, o sigilo é garantido por lei.

Acompanhe nossas atualizações no Facebook, Instagram e Tiktok.