O ano era 2012 e a João Carreiro e Capataz vivia o auge, com sucessos como “Volta Pro Meu Coração” e “É Pra Cabá”, entre tantos outros, percorrendo o Brasil para “cantar com os brutos”. E em um destes shows estava Marcos Henrique Oliveira Silva, de 28 anos.

Na época, ele gostava de e saiu só pra curtir com os amigos, na pequena cidade de Apuí, no Amazonas. Só que o que parecia improvável aconteceu: o jovem foi chamado por João Carreiro para cantar no palco e lá ganhou o apelido de “modão”, mudando totalmente o gosto musical.

“Na época, eu só me via como um guitarrista, que tocava em uma banda de rock. Mas, por conta dessa fala dele [João Carreiro], voltei a estudar viola caipira e me dediquei a sertaneja, onde estou até hoje. O meu apelido virou modão depois. Lá eu cantei Desatino, do Ronaldo Viola e João Carvalho. Era uma época que ele dava oportunidade para as pessoas, chamava no palco”, relembrou Marcos ao MidiaMAIS.

O episódio marcou a vida de Marcos. Atualmente, morando em São José do Cedro, no interior de Santa Catarina, sempre acompanhou a dupla João Carreiro e Capataz, até o momento em que ambos se separaram e João seguiu carreira solo. “Já são 15 anos lidando com a música. E, sem dúvidas, aquilo marcou a minha vida”, finalizou.

Veja Marcos cantando as “modas” atualmente:

(Arquivo Pessoal)

Morte de João Carreiro

João Carreiro. (Redes Sociais/Reprodução)

O cantor sertanejo João Carreiro morreu aos 41 anos, na última quarta-feira (3). O cantor passou por uma cirurgia para corrigir um prolapso da válvula mitral, conhecido como sopro no coração, anomalia cardíaca.

A morte do artista foi confirmada no Instagram do cantor. A informação também foi dada pelo empresário do artista, Ninho, e pelo amigo Santhiago Filho.

“Ele fez um procedimento e válvula de coração e não está reagindo, a situação é grave demais”, afirmou na ocasião o cantor e apresentador Santhiago, que pediu orações por João Carreiro.

João Carreiro é natural de Cuiabá (MT). O sepultamento ocorre nesta sexta-feira (5).

Leia também:

‘Chateado com Deus, era pra ter sido o pai e não o filho', diz aos prantos no velório o pai de João Carreiro

‘Melhor compositor do gênero bruto do Brasil', dizem cantores que tinham João Carreiro como ídolo

Fãs lamentam morte de João Carreiro e dizem que sensação é de ‘perder alguém da família'

Famosos lamentam morte e ressaltam voz única de João Carreiro