A missa de 7° dia do investigador Dirceu Rodrigues dos Santos, de 38 anos, morto quando checava uma informação sobre o assalto de uma joia de R$ 80 mil, roubada no centro de Campo Grande, acontece na próxima segunda-feira (3). Segundo a família a missa será aberta ao público na Igreja Perpétuo Socorro, às 17 horas.

O policial Dirceu Rodrigues dos Santos foi morto na noite de terça-feira (28) com três tiros, no Jardim Campo Nobre quando estava checando informações sobre o roubo de uma corrente avaliada em R$ 80 mil. Ele estava acompanhado pelo também policial Osmar Ferreira, que foi agredido, encaminhado ao hospital com ferimentos e  liberado no mesmo dia.

Família pede justiça

A família do investigador agradece todo o apoio recebido da população, principalmente durante o velório, que contou com uma presença massiva. “Esta todo mundo ainda muito em choque, nós só esperamos que seja feita a justiça”, declara um parente.