Após a reportagem revelar parte do conteúdo do relatório que está sendo elaborado pela diretoria do Internacional para entregar ao técnico Abel Braga, novo treinador da equipe, a direção decidiu mudar a estratégia e vai, na base da conversa, repassar todos os problemas enfrentados no vestiário colorado na temporada de 2013.

“Nós definimos que, para evitar qualquer tipo de vazamento de informação, nós não vamos formatar nenhum tipo de relatório para o novo treinador e os novos integrantes do departamento de futebol. Tudo que vamos passar será verbalmente, na base da conversa, e não vamos colocar nada no papel”, disse o diretor de futebol colorado, Luiz Cesar Souto de Moura.

Os dirigentes do departamento de futebol estiveram reunidos no início da noite desta segunda-feira e confirmaram que entregaram os cargos ao presidente Giovanni Luigi. Agora cabe ao mandatário colorado definir se aceita ou não os afastamentos.

“Ainda não sabemos como vai funcionar o departamento de futebol no ano que vem. Se será com um, dois ou até os quatro diretores. Quem vai definir esta situação será o presidente Giovanni Luigi. O que compete a nós agora é esperar a definição do presidente e enquanto ele não decidir nós vamos seguir trabalhando”, disse Marcelo Medeiros, também diretor de futebol colorado.