O líder do PR na Câmara, deputado Lincoln Portela (PR-MG), disse hoje não saber qual o “sentimento” do ministro da Defesa, Nelson Jobim, que disse à revista “Piauí “que a ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) é “muito fraquinha” e que a sua colega Gleisi Hoffman (Casa Civil) “não conhece Brasília”.

“Na realidade, não vejo as declarações como um fim em si mesmo, mas o que pode estar por detrás disso, não sei o que (Jobim) queria fazer com isso. Não posso fazer um juízo de valor, porque não sei qual o sentimento e o desejo dele”, disse Portela, após encontro com Ideli Salvatti no Palácio do Planalto.

Segundo o líder, a ministra das Relações Institucionais estava “muito bem” durante o encontro. “Ela está muito tranquila, rindo, feliz. Disse que está muito bem, cuidando da saúde e até brincou em relação ao presidente (do Senado, José Sarney) Sarney, que disse que ela está fortinha”, afirmou Portela.