Em duelo marcado por duas quedas de energia e gol de Ivonei, aos 65 minutos do segundo tempo, o Santos venceu o , por 2 a 1, no estádio Bruno José Daniel, em Santo André, e garantiu vaga na semifinal da 53ª Copa de Júnior.

Um dos refletores do estádio apresentou falha antes de a bola rolar e atrasou o início do confronto em 48 minutos. Somente após um acordo entre os times que a arbitragem pôde começar a partida. No final do segundo tempo, outro refletor sofreu apagão, voltando a prejudicar o andamento do jogo, que só foi reiniciado após 21 minutos.

O adversário do Santos na semifinal será o América-MG, que mais cedo venceu o Ituano, por 3 a 0, na Arena Barueri, em Barueri. A outra semifinal terá o confronto entre o atual campeão e Goiás.

Com bola rolando, o Santos começou a partida procurando o ataque e tendo as melhores chances de gol. Logo aos nove minutos, Patati fez jogada individual pela direita, encontrou Ivonei e a bola sobrou para Fernandinho, dentro da pequena área, finalizar muito perto do travessão.

Após o susto inicial, o Fortaleza encaixou a marcação e quase abriu o marcador aos 30, com Edu Araújo cabeceando na trave. O empate prevaleceu até o intervalo.

No segundo tempo a partida ficou agitada e os gols saíram. Aos quatro minutos, Riquelme cruzou da esquerda e Amorim cabeceou para abrir o placar para o Fortaleza. Só que não demorou e o Santos deixou tudo igual, aos 12, também pelo alto, só que com o Thiago Balieiro.

O empate deu mais ânimo ao Santos, que voltou a ter a posse de bola e frequentou por muito mais tempo o setor ofensivo. Aos 43 minutos a partida voltou a ser paralisada por queda de energia, com muita gente deixando o estádio e mais 21 minutos de jogo interrompido.

No retorno, com a bola rolando, o Santos seguiu em cima e conseguiu o gol da vitória aos 65 minutos. Diogo Correia recebeu na esquerda e cruzou na área para Ivonei, que cabeceou no ângulo, dando números finais ao confronto.