Mais que horas: com variedade de preços, smartwatches viram 'febre' e bombam em Campo Grande

Com preços que variam de R$ 100 a R$ 400, os relógios inteligentes são facilmente encontrados no Camelódromo e redes sociais
| 12/02/2022
- 14:00
Mais que horas: com variedade de preços, smartwatches viram 'febre' e bombam em Campo Grande

Muito mais que olhar horas, os relógios de pulso têm ganhado diversas tecnologias nos últimos anos, como contagem de passos, quilometragem percorrida durante corridas, aferimento de pressão arterial, dentre outras funções. Com preços diversos, há smartwatch — relógio inteligente, na tradução — que chegam a custar até R$ 6 mil. Em Campo Grande, os valores são diversos e as vendas bombam no

No box de Odinei Oliveira da Silva, de 42 anos, os relógios custam a partir de R$ 170 e o mais caro, R$ 270. Modelos da famosa Xiaomi. “São marcas compatíveis com qualquer aparelho celular. Vão chegar mais modelos, do quadradinho, geralmente quem procura pelos relógios são quem faz exercícios físicos ou para ver as notificações enquanto está dirigindo”, disse.

As vendas dos relógios inteligentes chegaram a ter alta de 60% na procura no mês de janeiro, comentou o proprietário do box. Os smartwatches queridinhos dos consumidores, modelo da Xiaomi, custam até R$ 370 no box de Edson Assunção.

[Colocar ALT]
Foto: Henrique Arakaki

O modelo Mi Band 5 custa R$ 280 e o Amazfit lit a partir de R$ 370. “Os clientes procuram por custo benefício e eu recomendo mais o Mi Band, que é original”, disse. 

Jayne da Silva, de 20 anos, é vendedora e explica que no box onde trabalha tem os modelos que tem o ‘designer’ idêntico aos relógios da Apple, mas com valor bem mais em conta.

“Quando o cliente vem procurando, eles procuram por um modelo simples, mas que seja completo. Normalmente o Iwo [modelo] é o mais procurado, por conta que ele afere pressão e as pessoas gostam dessa função”, comenta.

Os relógios inteligentes da Iwo no box onde Jayne trabalha custam a partir de R$ 300.

Em grupos nas também é comum encontrar vendedores de aparelhos novos e também aqueles que buscam desapegar. Modelos novos e usados são facilmente encontrados no Marketplace do Facebook, inclusive os modelos da Apple, que seminovos chegam a ser vendidos por R$ 1 mil, dependendo da série fabricada.

Veja também

Lucro do FGTS já tem data de pagamento para trabalhadores

Últimas notícias