MS tem cidade com umidade relativa do ar em 18%, a menor do Brasil nesta quinta

Campo Grande está entre cidades com menores umidades registradas nesta quinta-feira
| 10/02/2022
- 11:13
MS tem cidade com umidade relativa do ar em 18%, a menor do Brasil nesta quinta
(Foto: Henrique Arakaki/Midiamax)

Após duas semanas de chuvas intensas em Mato Grosso do Sul, a massa de perde a força e retorna a registrar altas temperaturas. Com isso, o (Instituto Nacional de Meteorologia) alerta para baixa umidade do ar — cidades do interior, chegam a marcar apenas 18%, nesta quinta-feira (10).

Conforme o monitoramento, a cidade de Jardim registra a menor umidade relativa do ar do Brasil, em seguida Ivinhema com 20%, Rio Brilhante com 23% e Angélica, 24%, Água Clara, 25% e Laguna Carapã com 26%. Embora tenha céu aberto, Campo Grande deve registrar 50% de umidade, mas pode atingir até 31,3°C.

A umidade ideal para saúde deve variar a partir de 60%. A recomendação do instituto é que se beba bastante líquido, principalmente água, evite o desgaste físico e exposição nas horas mais secas e quentes do dia, como das 9h às 16h.

Veja também

Últimas notícias