Sem grande procura por 4ª dose, campo-grandense aproveita para se vacinar enquanto faz compras

Saúde liberou 4ª dose para idosos e profissionais de saúde
| 09/02/2022
- 20:11
Sem grande procura por 4ª dose, campo-grandense aproveita para se vacinar enquanto faz compras
Foto: Henrique Arakaki/ Jornal Midiamax

Os pontos de vacinação itinerantes - aquele que não são fixos, como os postos de saúde - estão virando uma alternativa para aqueles que não querem enfrentar as longas filas das unidades de saúde ou drive-thru. No Fort do União, nesta quarta-feira (9), a ida ao mercado garantiu a população as compras do mês e também um reforça na imunização contra a covid-19.

Foi o caso da autônoma Silvia Pereira, de 43 anos, que foi fazer compras com o marido e aproveitou para se vacinar com a 3ª dose. "Para os postos é difícil e demorado. Onde eu moro é longe e aqui nós já estavamos dos lado. Aí aproveitamos a oportunidade", contou ela ao Jornal Midiamax.

Apesar do anúncio da SES (Secretaria Estadual de Saúde) que idosos e profissionais da Saúde poderão tomar a 4ª dose, a procura no local era pouca. 

O Secretário Estadual de Saúde, disse que as doses destinadas para esse fim são as que estão no estoque da SES e secretarias de saúde dos municípios.

Enquanto o grupo não aparece, o local segue vacinando quem aparece por lá, como o empresário Albuquerque, de 48 anos, que mora na região do Taveirópolis e foi a procura da 3ª dose. "Fiquei sabendo pela minha esposa que veio de manhã no mercado e se vacinou. Não tem ninguém [agora]", comentou ele

Quem também aproveitou a oportunidade de não precisar esperar em filas para se vacinar foi o restaurador Marcivaldo Fogaça, de 52 anos. Ele viu pela televisão o ponto de vacinação com pouca gente e não perdeu tempo para tomar a 3ª dose. "Eu não tenho tempo e nos posto está demorando. Faço parte do grupo de risco, não posso ficar sem vacina. A vacina é tanto por mim quanto pelos outros que me rodeiam", disse ele, que ten câncer pulmonar.

vacina itinerante ha - Sem grande procura por 4ª dose, campo-grandense aproveita para se vacinar enquanto faz compras
(Foto: Henrique Araraki/ Jornal Midiamax)

 

Veja também

Últimas notícias