Prefeitura de Corumbá lamenta por vítima de feminicídio e reforça telefones de contato para atendimento à mulher

Grazielly Karine Soares de Lima foi encontrada morta na madrugada desta quarta-feira com diversas facadas
| 22/06/2022
- 14:55
Prefeitura de Corumbá lamenta por vítima de feminicídio e reforça telefones de contato para atendimento à mulher
Grazielly Karine Soares (Foto: Reprodução / Prefeitura de Corumbá)

A Prefeitura de Corumbá divulgou uma nota de pesar lamentando pela da jovem Grazielly Karine Soares de Lima, de 28 anos, nesta quarta-feira (22), vítima de feminicídio por parte de seu companheiro. A gestão também reforçou os telefones de contato para denúncias e atendimento à mulher.

“Infelizmente a notícia triste que abala não somente a e amigos, mas a todos nós. Mesmo com todo o trabalho realizado em Rede levando as políticas públicas para a população, informando e prevenindo a violência doméstica, encorajando as mulheres a denunciarem e empoderando-as a romper o ciclo da violência, esse fato triste veio a ocorrer”, lamentou a secretária de Assistência Social e Cidadania, Amanda Balancieri Iunes.

A gestão informou que Gazielly tinha feito boletim de ocorrência contra o companheiro, solicitou medida protetiva, foi atendida e acompanhada por atendimento na Patrulha Maria da Penha e no CRAM (Centro de Referência de Atendimento à Mulher em situação de violência), mas infelizmente ela retirou a medida protetiva, solicitando sua revogação.

“Solidarizamos com os familiares e amigos da vítima e reforçamos que a luta contra violência doméstica continuará, ainda mais intensa, na tentativa de conscientizar a população sobre a importância da denúncia e acompanhamento. A Rede de Atendimento está à disposição, pois Corumbá não tolera a violência!”, completou a secretária de Assistência Social e Cidadania do Município.

Telefones para denúncia:

DAM – 3231-9922/ 3231-2810

Gerência de Políticas Públicas para a Mulher – 9946-2120

CRAM – 39075470 / 99903-9176

Patrulha Maria da Penha – 3907-5455 / 99686-5899

Polícia Militar – 190 / 3231- 6171

O Caso

Grazielly Karine Soares Alves de Lima, de 28 anos, foi encontrada morta na madrugada desta quarta-feira (22), na casa dela em Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande, com várias perfurações de facadas no rosto e com o cabelo cortado.

O autor seria o ex-marido, que é conhecido como ‘Aquidauana/Xitu’, e faria serviços de mecânica. O feminicídio aconteceu no Bairro Popular Nova, por volta das 2 horas da madrugada, quando uma testemunha teria recebido uma ligação do ex-marido de Grazielly dizendo que 'tinha feito uma besteira' e assassinado a ex.

Veja também

Estimativa de junho refere-se a cereais, leguminosas e oleaginosas

Últimas notícias