Daniella Marques é escolhida como nova presidente da Caixa Econômica Federal

Braço direito de Paulo Guedes foi escolhida como nova presidenta do banco, após Pedro Guimarães ser denunciado por assédio sexual
| 29/06/2022
- 14:07
Daniella Marques é escolhida como nova presidente da Caixa Econômica Federal
Daniella Marques Consentino é a nova presidente da Caixa. (Foto: Agência Brasil)

A secretária especial de produtividade, e competitividade, Daniella Marques, foi escolhida como a nova presidente da , nesta quarta-feira (29). A economista foi escolhida pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) para assumir o cargo, após a explosão de denúncias contra o ex-presidente da instituição, Pedro Guimarães.

Segundo o Jornal Folha de S. Paulo, Daniella é braço direito de Paulo Guedes e estava tendo um bom desempenho no Ministério da Economia. Ela foi citada como uma das opções ao cargo pelo lado do presidente, mesmo com Pedro Guimarães apontando outro nome.

A demissão do presidente da instituição deverá ser oficializada até As 15h de hoje e publicada no Diário Oficial da União de quinta-feira (29).

Casos de Assédio

Pedro Guimarães foi denunciado por pelo menos cinco funcionárias da Caixa Econômica por assédio sexual. Os abusos estão em beijar a força, passar a mão pelo corpo, convites para ir ao quarto do presidente, entre outros relatos.

Segundo o site, Pedro apresentou certa resistência em sair do cargo e afirmou que se demitiria, mas com a prescrição de afastamento para investigação do Ministério Público Federal, porém servidores do Palácio do Planalto pressionaram Bolsonaro pela demissão do presidente da instituição, que deverá ser anunciada às 15h.

Veja também

A Justiça do Paraná autorizou o agente penitenciário federal Jorge Guaranho a cumprir a prisão...

Últimas notícias