Prefeito veta merenda vegetariana e programa de proteção a mulheres em situação de risco

Prefeito veta merenda vegetariana e programa de proteção a mulheres em situação de risco. Justificativas ainda serão publicadas no Diogrande.
| 06/01/2021
- 18:39
Prefeito veta merenda vegetariana e programa de proteção a mulheres em situação de risco
Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (Foto: Divulgação/PMCG) - Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (Foto: Divulgação/PMCG)

O prefeito (PSD) decidiu vetar totalmente três projetos de lei aprovados pela Câmara Municipal de Campo Grande em 2020. Os vereadores, que começam o ano legislativo na segunda quinzena de fevereiro, ainda podem derrubar os vetos.

Um dos projetos barrados autoriza o município a implantar o Programa Municipal de Merenda Escolar Vegetariana. A iniciativa pretende atender estudantes da Reme (Rede Municipal de Ensino) com um cardápio opcional.

A matéria foi proposta em 2019 pelos vereadores João César Mattogrosso (PSDB) e (PSD), bem como pelo ex-vereador Delegado Wellington (PSDB). A Câmara aprovou no ano passado.

Outro projeto vetado prevê a criação do Programa Municipal para Proteção de Mulheres em Situação de Risco. A iniciativa tem como finalidade construir condomínios residenciais, de até 60 unidades, para servir de casas abrigo a mulheres vítimas de violência doméstica e familiar sob medida protetiva.

A matéria foi proposta pela ex-vereadora Cida Amaral (PSDB), mas é assinada também pelos ex-vereadores Odilon de Oliveira (PDT), Dr. Wilson Sami (MDB) e Dharleng Campos (MDB), além do vereador João César Mattogrosso. O texto foi apresentado e votado no ano passado.

Além destes, o prefeito também rejeitou projeto que institui a divulgação dos valores pagos em publicidade pelo município em anúncios impressos, veiculados na internet, no rádio e na televisão. A proposta é do ex-vereador André Salineiro (Avante), protocolada em 2019 e aprovada em plenário em 2020.

As justificativas para os vetos ainda devem ser publicadas no Diogrande (Diário Oficial do Município).

Veja também

Resultado da licitação das estradas vicinais foi publicado nesta quarta-feira (29)

Últimas notícias