Política / Justiça

STJ manda Previdência pagar um salário mínimo a doente de Aids

O Superior Tribunal de Justiça obrigou, em decisão de hoje, a Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) a pagar o benefício de prestação continuada ao portador de Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids). O valor é de um salário mínimo. A decisão do Tribunal referente a um caso de Alagoas abre precedentes para todo o País.

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00