O deputado estadual (PT) continua internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Proncor, em Campo Grande. O parlamentar deu entrada na unidade na noite de terça-feira (14).

Boletim médico divulgado na manhã desta sexta-feira (17) aponta que Amarildo continua “recebendo tratamento e monitoramento constante”. O comunicado é assinado pelos diretores técnico, Eduardo Elias Curido, e clínico, Bruno Alexandre da Silva, além da médica intensivista Juliana Pedroli.

A atualização do estado de saúde foi autorizada pela família. Porém, não há informações oficiais sobre o que levou o deputado ao . O Jornal Midiamax apurou que ele enfrenta miocardite, e já teve que ser reanimado após parada cardiorrespiratória, precisando ser intubado e passar por diálise.

O último boletim divulgado, na tarde de ontem, apontava que ele continuava em estado grave e sendo assistido pela equipe médica. Uma transferência para um hospital de foi descartada devido à situação delicada do petista.

Paulista de Presidente Epitácio, Amarildo Valdo da Cruz tem 60 anos. Está no quinto mandato, chegando a ir à (Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul) por duas vezes como suplente. Divorciado, é pai de três filhos.