A prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (PP) sancionou nesta quinta-feira (19), a ementa da lei n. 6.023, de 15 de junho de 2018 que altera as regras para votações de diretores nas Emeis (Escolas Municipais de Infantil) de Campo Grande. A informação consta na edição extra do Diogrande.

O texto que modifica as regras foi aprovado no último dia 10 de outubro pelos vereadores da Municipal em regime de urgência. Foram 23 votos favoráveis e um contrário ao projeto de lei 11.145/23, do Executivo Municipal, que altera a redação da ementa e de dispositivos da lei 6.023/18, que institui a Gestão Democrática e dispõe sobre eleição direta dos diretores e diretoras das unidades escolares e dos centros de educação infantil da Reme (Rede Municipal de Ensino).

O voto contrário foi do vereador André Luis (Rede). O parlamentar pediu emenda para que só profissionais de carreira pudessem participar. Contudo, ficam autorizados a participarem, profissionais contratados, há mais de 60 dias consecutivos, na unidade de ensino.

Durante a sessão, o presidente da (Sindicato Campo-Grandense de Professores), Gilvano Kunzler Bronzoni defendeu que todos os servidores devem participar da votação. “Essa vai ser essa uma nova etapa da educação infantil em Campo Grande. Haverá algumas mudanças, a questão da lotação, as escolas, mas nós amadurecemos a lei para esse pleito da educação infantil”, disse.

Saiba Mais