Nesta terça-feira (29), o imprevisto da sessão ordinária da Câmara de Sidrolândia foi um apagão. Na sessão anterior, na terça-feira (22), os vereadores reclamaram da falta de espaço para manifestação.

Assim, as luzes do plenário apagaram logo no início da sessão, que teve transmissão interrompida na internet. Aos 15 minutos da sessão, a energia caiu na Casa de Leis, que ficou escura e teve movimentação de pessoas deixando o plenário.

Pouco antes da luz cair, os vereadores votavam a ata da sessão anterior da Câmara. Até a queda de energia, 12 haviam sido favoráveis e outros dois contrários ao registro da sessão anterior.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o plenário escuro, apenas com luz que entra pelas portas que foram abertas. Além disso, parlamentares e cidadãos que assistiam à sessão saíram do plenário.

A sessão foi retomada a partir da leitura de requerimentos. Logo após, os vereadores votaram os projetos da pauta.

O Jornal Midiamax entrou em contato com a Câmara de Sidrolândia por e-mail, devidamente documentado. Contudo, não houve retorno. O espaço segue aberto para posicionamento.

Eleição da Câmara

Ao final da sessão, a presidente da Câmara, Juscinei Claro (PP), anunciou a nova data das eleições da mesa diretora. Então, ficou para quinta-feira (1º), às 9h.

Anteriormente, a eleição seria em 13 de dezembro, durante sessão ordinária. Os interessados em participar do pleito precisam apresentar chapa até às 8h da quinta-feira (1º).