“É totalmente ignorante quem fez esses ataques”, afirmou o senador Nelsinho Trad (PSD) sobre as ameaças que a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) sofreu nesta semana. Os ataques foram feitos após a autorização para vacinação contra Covid-19 em crianças.

O parlamentar sul-mato-grossense defendeu a vacinação infantil. “Eu tenho a certeza que a Anvisa pensou muito nisso e teve todo o zelo, todo o cuidado para liberar depois de uma análise exaustiva de toda essa situação”, justificou ao Jornal Midiamax.

Nelsinho acredita que “quem fez esse ataque não está antenado com o princípio básico de que a ciência, o cientista, aquele que sabe mais que você tem que ser respeitado”. Ele destacou que a Agência tomou a decisão partindo de princípios técnicos.

“A Anvisa não iria, jamais, permitir uma autorização dessa natureza se não estivesse calcada em pareceres altamente técnicos e científicos, em experimentos de outros países, para poder franquear essa alternativa para a população”, explicou.

Ameaças

Três dias após o presidente Jair Bolsonaro ter dito que divulgaria os nomes dos responsáveis pela aprovação da vacinação infantil contra a covid-19, diretores da Anvisa apontam um aumento nas ameaças físicas contra os funcionários do órgão.

Em nota emitida no domingo (19), eles pedem que a Procuradoria-Geral da República, a Polícia Federal e os Ministérios da Justiça e do Gabinete de Segurança Institucional apurem e responsabilizem “com urgência” os autores das intimidações, além de garantir proteção policial aos servidores e seus familiares.