Política

Candidato a prefeito de Sidrolândia vai à polícia para denunciar fake news

Boato sobre dívida foi compartilhado pelo WhatsApp

Adriel Mattos Publicado em 31/05/2021, às 13h46

None
Foto: Divulgação

O candidato à prefeitura de Sidrolândia, Enelvo Felini (PSDB), denunciou à Polícia Civil que está sendo alvo de notícias falsas via WhatsApp. Vídeo compartilhado pelo aplicativo acusa o tucano e um empresário de terem uma dívida, que já foi quitada.

“Envolveram o meu nome e do Jacob Breure, falando de uma dívida extinta e que foi quitada há mais de quatro anos”, declarou Enelvo. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil da cidade.

A prática de divulgar informação sabidamente falsa não está prevista no ordenamento jurídico brasileiro, mas em alguns casos, podem ser enquadrados nos crimes de calúnia ou difamação, previstos no Código Penal. A eleição suplementar para prefeito está marcada para 13 de junho.

Nova eleição

novo pleito foi convocado pelo TRE após o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidir manter a impugnação do registro de candidatura de Daltro Fiúza (MDB), eleito em novembro. Sem ser diplomado e consequentemente impedido de tomar posse, Vanda Camilo (PP) assumiu a prefeitura, após ser eleita presidente da Câmara Municipal.

O processo foi retomado de onde parou, ou seja, a disputa continua entre dois candidatos: a prefeita interina Vanda Camilo e o ex-prefeito e ex-deputado estadual Enelvo Felini (PSDB). 

Jornal Midiamax