Política

ELEIÇÕES 2020: Daltro Fiuza é eleito sub judice em Sidrolândia com 46,44% dos votos

Daltro Fiuza (MDB) venceu as eleições 2020 com46,44% dos votos e é o prefeito eleito de Sidrolândia, distante 70 quilômetros de Campo Grande. Três pessoas concorreram ao pleito. Ele assume o mandato em 1º de janeiro de 2021, caso consiga vencer o recurso, já que sua candidatura está sub judice. Marcelo Ascoli (PSL) é o […]

Evelin Cáceres Publicado em 15/11/2020, às 21h43 - Atualizado às 22h15

Daltro Fiuza, do MDB, foi eleito e candidatura está sub judice (Foto: Reprodução/TSE)
Daltro Fiuza, do MDB, foi eleito e candidatura está sub judice (Foto: Reprodução/TSE) - Daltro Fiuza, do MDB, foi eleito e candidatura está sub judice (Foto: Reprodução/TSE)

Daltro Fiuza (MDB) venceu as eleições 2020 com46,44% dos votos e é o prefeito eleito de Sidrolândia, distante 70 quilômetros de Campo Grande. Três pessoas concorreram ao pleito. Ele assume o mandato em 1º de janeiro de 2021, caso consiga vencer o recurso, já que sua candidatura está sub judice.

Marcelo Ascoli (PSL) é o atual prefeito e foi eleito em 2016. Enelvo Felini (PSDB), Daltro Fiúza (MDB) e Moacir Almeida (Patriota) concorreram. Felini já foi prefeito do município e comandava a Funtrab (Fundação do Trabalho), sendo exonerado para disputar a eleição.

Na campanha eleitoral, Felini tem apoio do DEM, PP e partido Rede Sustentabilidade e teve o vereador progressista Kennedi Mitrioni Forgiarini candidato a vice. Ao lado de Daltro Fiúza que também já foi prefeito do município, o ex-secretário de Saúde do município, Nelinho Paim Filho era candidato a vice-prefeito.

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a estimativa é que o município tenha 59.245 pessoas em 2020.

Jornal Midiamax