Durante a sessão desta terça-feira (23) da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Paulo Siufi (MDB) cobrou da Mesa Diretora explicações sobre andamento de um pedido de impeachment do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), feito pela senadora eleita Soraya Thronicke (PSL).

Siufi contou que assistiu ao debate do Jornal Midiamax, na noite de ontem, segunda-feira (22), e viu o tucano alegando que não responde nenhum processo, que apenas é investigado. O emedebista lembrou, então, do pedido de impeachment feito por Soraya.

“Essa Casa não pode se calar e nem se curvar a esses mandos e desmandos que estão acontecendo ai”, cobrou o deputado.

De acordo com o emedebista, desde que o pedido foi apresentado na Assembleia, ‘ninguém mais falou disso’. O impeachment foi protocolizado em maio de 2017, logo após a delação da JBS.

O presidente da Assembleia, deputado Júnior Mochi (MDB) disse que vai encaminhar pedido do colega para secretaria de assuntos jurídicos, para que solicite à CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) a devolução da matéria com parecer opinativo.