Uma discussão e a dívida de drogas antecederam a execução do adolescente de 16 anos, Luciano Pereira Lopes da Silva, no bairro Alves Pereira, em , na noite de domingo (22). O atirador fugiu em um Fiat Pálio, de cor branca.

Informações são de que o adolescente estava na esquina das ruas Tucuruvi com Agostinho Bacha, quando o autor parou e Luciano, achando que seria mais uma venda de drogas, foi até o carro, momento em que o atirador e o adolescente começaram a discutir.

Neste momento, o autor desceu do carro e fez três disparos contra as pernas de Luciano, que correu, mas caiu mais a frente. O autor teria voltado para o veículo, mas voltou e fez mais cinco disparos já com a vítima caída no chão. 

Em seguida, o atirador fugiu sentido à Avenida Guaicurus. Ainda segundo informações, Luciano estava devendo drogas a uma pessoa conhecida por ‘G31 do Bairro Colibri. O adolescente estaria na companhia de mais dois amigos no momento do atentado, mas eles não foram atingidos.