Trabalhador que morreu soterrado por grãos tem corpo encontrado pelos bombeiros

O rapaz trabalhava no armazém de cereais e empurrava os grãos para um funil, quando soltou o cabo que o segurava por um cinto de segurança
| 14/06/2022
- 13:09
Trabalhador que morreu soterrado por grãos tem corpo encontrado pelos bombeiros
(Foto: Redes Sociais)

Na manhã desta terça-feira (14), a equipe do Corpo de Bombeiros encontrou o corpo do trabalhador César dos Santos, de 22 anos, que morreu soterrado em um armazém de soja, em Chapadão do Sul, a 330 quilômetros de Campo Grande.

O rapaz trabalhava no armazém de cereais e empurrava os grãos para um funil, quando soltou o cabo que o segurava por um cinto de segurança. Ele acabou escorregando e caindo no sumidouro.

As buscas começaram na tarde de segunda-feira (13), mas, devido ao difícil acesso ao local, o corpo só foi encontrado na manhã desta terça (14). O corpo foi removido e encaminhado ao IML (Instituto de Medicina Legal) de Paranaíba para realização de exame necroscópico, como é de praxe no caso da ocorrência de morte violenta.

A vítima era natural do estado do Piauí e estava na cidade há menos de um mês. Veio para Chapadão do Sul para trabalhar e deixou a família no nordeste.

ENCONTRADO CORPO DE CESAR 768x512 1 - Trabalhador que morreu soterrado por grãos tem corpo encontrado pelos bombeiros
Local onde foi feita as buscas (Foto: DP Chap. Sul)

Relembre o caso

César dos Santos, de 22 anos, vítima de um grave de trabalho na tarde de segunda-feira (13), estava há menos de um mês em Chapadão do Sul, cidade que fica a 330 quilômetros de Campo Grande. Ele foi soterrado por toneladas de grãos.

Segundo detalhado pela , o acidente teria acontecido por volta das 17 horas, quando Corpo de Bombeiros foi acionado. Pela dinâmica dos fatos, os militares concluíram que a vítima já não estaria viva.

Veja também

Últimas notícias