Morto em troca de tiros com o policiais do Choque após roubos de carros tinha 24 anos

Ele foi identificado pelo irmão no Imol
| 09/05/2022
- 17:56
Morto em troca de tiros com o policiais do Choque após roubos de carros tinha 24 anos
Arma foi apreendida (Divulgação)

Foi identificado como Adryanno Souza da Silva, de 24 anos, o homem morto em confronto com policiais do Batalhão de Choque na madrugada desta segunda-feira (9), em Campo Grande. Ele teria roubado dois carros de motoristas de aplicativo, junto com o comparsa.

Conforme o registro policial, o irmão de Adryanno foi até o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) e fez o reconhecimento. O rapaz era morador no e morreu em troca de tiros com os militares.

Os militares receberam a informação de que um veículo Fiat Siena, de cor vermelha, havia sido roubado de um motorista de aplicativo, no Bairro São Conrado. Inclusive, os bandidos chegaram a passar pelos policiais, que saíram atrás dos criminosos.

Já na região do Bairro Celina Jallad, os criminosos subiram em um canteiro. Os militares perceberam os dois bandidos abandonando o carro e fugindo em sentidos opostos. Então, foi solicitado apoio e feito cerco contra os bandidos.

Durante o deslocamento das viaturas, um outro motorista de aplicativo abordou os militares dizendo que foi roubado por um bandido armado, que levou ser veículo Gol, de cor vermelha. Quando os policiais aguardavam o guincho para a remoção do Fiat Siena, o carro roubado da outra vítima passou em frente aos policiais.

Carros foram recuperados pelo Choque
(Divulgação)

Houve perseguição contra o criminoso, que entrou em um terreno baldio e tentou se esconder em meio a um matagal disparos contra os policiais que revidaram, com dois tiros. O criminoso foi socorrido pelos militares e levado para o Hospital Regional, mas não resistiu e morreu.

O caso foi registrado como disparo de arma de fogo, roubo majorado pelo concurso de pessoas e pelo emprego de arma de fogo e homicídio decorrente de oposição à intervenção policial na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Veja também

Fumaça preta é vista a distância na rodovia e causa congestionamento

Últimas notícias