PMA autua dono de madeireira em R$ 2,1 mil por transporte de carga de madeira ilegal

Madeira da espécie Jatobá
| 17/04/2017
- 04:50
PMA autua dono de madeireira em R$ 2,1 mil por transporte de carga de madeira ilegal

Madeira da espécie Jatobá

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental de São Gabriel do Oeste, que trabalha na operação Semana Santa, foi acionada por Policiais Militares que trabalhavam com fiscais da Secretaria de Fazenda, no município de Camapuã, em razão da abordagem de um caminhão Ford Cargo, com carga de madeira suspeita de estar sendo transportada ilegalmente.

A PMA foi ao local ontem (15) à tarde e verificou que o caminhão abordado, transportava 7 m³ de pranchões de madeira da espécie Jatobá sem o Documento de Origem Florestal (DOF), que é o documento ambiental para o transporte e armazenamento de qualquer produto florestal. A carga saíra de uma fazenda pertencente ao dono de uma madeireira localizada em Camapuã, para onde iria a carga ilegal. A madeira e o veículo foram apreendidos.

O infrator, residente em Camapuã, proprietário da madeira, foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.100,00 pela PMA. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá receber pena de seis meses a um ano de detenção.

Veja também

Nos seis primeiros meses, o número de mulheres assassinadas disparou em Campo Grande

Últimas notícias