Depois de jogar água quente no filho e ameaçar esposa, homem é assassinado

Vítima mantinha a família em cárcere privado 
| 25/05/2015
- 14:43
Depois de jogar água quente no filho e ameaçar esposa, homem é assassinado

Vítima mantinha a família em cárcere privado 

Sebastião Carlos Pereira de Oliveira, de 42 anos, foi morto no início da madrugada deste domingo (24), na própria residência na Rua Francisco Martins Carijo, na área central de Costa Rica, a 384 quilômetros de Campo Grande. A vítima foi agredida por uma pedrada enquanto dormia.

De acordo com informações colhidas no boletim de ocorrência, o crime teria ocorrido porque a vítima era violenta com a família. Ele teria jogado água quente no rosto do filho e ameaçou a esposa de morte, após tirar um cochilo. A família contou que era mantida em cárcere privado.

Com medo, a família resolveu agredi-lo enquanto dormia, porém a ‘pancada’ foi forte demais e Sebastião acabou morrendo. Além do golpe de pedrada, o homem foi esfaqueado. A família ainda relatou que ficou com medo de retaliação, pois a vítima contava que era do PCC (Primeiro Comando da Capital), grupo que age dentro do presídio.

A pedra e a faca usadas no crime foram apreendidas. O caso foi registrado pela delegacia da Polícia Civil daquele município como qualificado por motivo fútil qualificado por emboscada.

Veja também

Todas eram estagiárias e tinham contato direto com o suspeito

Últimas notícias