Os sul-mato-grossenses se dividem pelo grupo que já não se incomodam mais e aqueles que ficam indignados com a noção, pelo menos, do artista saber onde se apresenta. Nos últimos da Expogrande o que não faltaram foram músicos confundindo Mato Grosso com Mato Grosso do Sul. Desta vez, Pedro Sampaio errou ao marcar a localização do show na noite de sábado (21).

Dono do hit “No Chão Novinha”, publicou um vídeo caminhando em direção ao palco, nas costas de um segurança e cumprimentando fãs. Ele abriu a apresentação com a citada, entretanto, marcando a localização “Campo Grande-Mato Grosso”, no story do Instagram. Embora isso, o show animado rendeu elogios.

O que não faltou nos últimos shows na cidade foram artistas, mais uma vez, errando os endereços, como a Matheus e Kauan, que se apresentou na quinta-feira (20), confundindo os Estados por uma publicação no Twitter.

“Campo Grande/MT, que noite maravilhosa! Show no dia de um lançamento não tem erro, é bom demais! Ceis curtiram ouvir a moda ao vivo?”, escreveu.

Após uma ‘chuva’ de sul-mato-grossenses corrigindo, a publicação foi corrigida. “Tá faltando mais aula de geografia para o social mídia”, disse um internauta.

“Vou ter que superar” a queridinha errando o Estado. (Foto: Reprodução/Junior Passeando em Campo Grande)

A situação ficou um pouco mais chata, se assim podemos dizer, com a dupla Maiara e Maraisa, que entraram no palco, na sexta-feira (15), errando o Estado. A observação é que a dupla é natural de Mato Grosso, logo, seria inconfundível. Maraisa tentou justificar dizendo que houve um atraso no áudio, mas os ouvidos atentos questionam a fala.

Nisso, a cantoria bloqueou o perfil do Junior do Passeando, da página Passeando em Campo Grande. Tudo aconteceu depois que o influenciador fez diversas publicações reclamando que ela chamou MS de Mato Grosso, durante apresentação na Expogrande.

A situação logo repercutiu nas e Junior do Passeando então repercutiu a fala da sertaneja. O problema é que Maraisa se manifestou e chamou a galera que estava reclamando da troca dos nomes dos Estados de “mimizentos”, aumentando ainda mais a polêmica.

Em vídeo publicado em seu perfil pessoal, a cantora agradeceu ao público de “Campo Grande, do Mato Grosso DO SUL [com ênfase]” e justificou o equívoco.

“Olha só, tem uns mimizentos aí… Na abertura do show, que foi perfeito, lindo, a Maiara gritou ‘Alô meu Campo Grande’. Teve um atraso, a gente sempre fala o nome da cidade e o estado. E aí, eu só consegui falar ‘Alô meu Mato Grosso’, porque quando eu ia falar o ‘do Sul’ ela já começou a cantar”, iniciou Maraisa.

“Me perdoem”, pediu Maraisa

Em seguida, ela continuou sua explicação. “Eu já vi que ela ia entrar e não queria que embolasse. E durante o show, a gente deve ter falado mais ou menos umas 350 mil vezes Mato Grosso do Sul’. Eu sou mato-grossense, eu sei muito bem a diferença do Mato Grosso para o Mato Grosso do Sul. Eu conheço sertanejo, eu conheço de Estados, eu conheço de geografia”, disparou a artista.