Prato árabe típico do Líbano, país com forte representatividade em Campo Grande, o Quibe cru é uma iguaria que reúne a crua e o trigo de bulgur (trigo de quibe) e especiarias. A princípio, é um prato refrescante, devido à presença da hortelã, mas que também tem sua picância, devido à pimenta síria e dedo de moça, que costumam aparecer na receita. De antemão, adiantamos que combina com todas as estações do ano. Já conhecia? Confira a receita!

Ingredientes

  • 2kg de patinho moído duas vezes
  • 500g de trigo de quibe
  • 2 cebolas médias bem picadas ou trituradas
  • 4 dentes de alho triturados
  • 1 pimentão vermelho bem picado ou triturado
  • 1 maço de hortelã picado (reserve um pouco para decorar)
  • 4 colheres de azeite de oliva extra virgem
  • 3 pimentas-dedo-de-moça picadas bem pequenas e sem semente
  • 1 colher (chá) de pimenta síria
  • Sal a gosto
  • 4 cubos de gelo

Modo de fazer

Primeiramente, hidrate o trigo com água quente, deixando de molho por 20 minutos. Na sequência, escorra o excesso de água numa peneira e deixe esfriar, enquanto corta os ingredientes para o mise-en-place. Em seguida, em um recipiente grande, reúna os demais ingredientes e especiarias e misture-os com a mão até a massa ficar uniforme e o gelo derreter completamente. O ideal é que esses ingredientes misturados passem pelo moedor mais uma vez, porém, o resultado é satisfatório quando são picados ou triturados e misturados à mão.

Por fim, mantenha o quibe cru na geladeira por duas horas em uma embalagem hermética, fechando-a cada vez que servir. A receita rende aproximadamente 3kg de quibe, que serve bem dez pessoas. Para receitas menores, basta fracionar as quantidades proporcionalmente.

Como apreciar?

O quibe cru é saboreado gelado, regado com azeite de oliva extra virgem, e decorado com folhas de hortelã e polvilhado com zaatar, um mix de especiarias árabes fáceis de achar em Campo Grande. Acompanha bem em pão sírio fresco, com pétalas de cebola-branca e com coalhada seca e limão espremido a gosto.