Com o da carne lá em cima, qualquer prato que leve a proteína deixa de ser barato. Para os amantes de churrasco, que pararam de frequentar churrascarias devido ao custo salgado dos últimos meses, o Cliente Oculto desta semana faz uma sugestão mais modesta: rodízio de espetinhos por R$ 35. 

Sem saber da nossa presença, a equipe foi até o bairro São Francisco, bem próximo à Avenida Euler de Azevedo, experimentar um rodízio que, além dos espetos, traz vários acompanhamentos, desde saladas à batata frita à vontade, para quem gosta de experimentar outros sabores junto à carne.

O JP Espetinhos está localizado atualmente na Rua José Luís de Carvalho, nº 290, na lateral da Euler, ou seja, é de fácil acesso para quem vem de carro ou ônibus, já que várias linhas passam por ali. O endereço antigo era em frente à (Universidade Católica Dom Bosco). O estabelecimento conta com estacionamento próprio.

Como funciona o rodízio?

O local simples e de ambiente familiar tem mesas no salão e na varanda. O rodízio funciona por autoatendimento, ou seja, você mesmo pega o prato e talheres e segue até ao balcão térmico para se servir.

As tampas das cubas ficam fechadas para manter o alimento aquecido, o que é compreensível, mas faltam etiquetas para ajudar a se localizar sobre os espetinhos e demais opções. Foi preciso abrir um por um para descobrir do que se tratava e o Cliente Oculto percebeu que os outros clientes tinham a mesma dificuldade para encontrar o que desejavam. 

Cliente oculto escolheu diferentes acompanhamentos. (Foto: Jornal Midiamax)
Cliente oculto escolheu diferentes acompanhamentos. (Foto: Jornal Midiamax)

Já na parte da comida, são quatro opções de espetinhos para comer à vontade: carne, frango, coração de frango e linguiça. A parte de acompanhamentos é bem variada e pode ser servida também na quantidade que desejar: tem arroz, feijão, creme de alho, batata frita, mandioca, farofa, vinagrete, pepino, beterraba, rúcula e alface. 

Como são os espetinhos?

O Cliente Oculto experimentou os quatro espetinhos que compõem o rodízio. O primeiro foi o de carne, que tem um bom sabor e tamanho e é assado ao ponto. Perguntei ao atendente qual é o corte da carne e ele respondeu que usam lombinho e o sabor tem um toque do tempero do chefe. 

O de frango não fica para trás. Bem passado, tamanho generoso, diferentes de alguns locais que vendem espeto mal assado ou com muita pele. 

O espetinho de coração do frango vem bem preparado, porém, não apresenta nada diferente de outros estabelecimentos. Já o de linguiça é bem assado e a avaliação é parecida com a de coração de frango: é bom, só não é o melhor experimentado.

Outra coisa bacana: nas mesas, existem cestinhas para o descarte dos palitos e isso faz não acumular dentro do prato.

Cesta para o descarte dos palitos dos espetos. (Foto: Jornal Midiamax)
Cesta para o descarte dos palitos dos espetos. (Foto: Jornal Midiamax)

Os acompanhamentos são bons?

Além dos espetinhos, o Cliente Oculto escolheu arroz, mandioca, farofa, batata frita, creme de alho e vinagrete. São estes os complementos tradicionais da “jantinha”, que acompanham espetinhos (exceto a batata frita).

O arroz é solto e ao ponto, enquanto o creme de alho tem a medida certa para ser saboroso e não forte demais. A batata frita é gostosa, só que estava fria. 

Uma das preferidas dos sul-mato-grossenses para acompanhar a carne, foi possível encontrar pedaços de mandioca bem cozidos e “desmanchando” em meio a outros que pareciam mais duros. O vinagrete é bem temperado e pode comer sem medo de acidez.

O Cliente Oculto sabe que é frustrante venderem farofa e entregarem apenas farinha pura. No JP Espetinhos, a farofa caseira é bem feita e temperada, o que é mais um ponto positivo.

Rodízio tem diversos tipos de saladas. (Foto: Jornal Midiamax)
Rodízio tem diversos tipos de saladas. (Foto: Jornal Midiamax)

Opções além do rodízio 

Além do rodízio, o JP Espetinho também oferece marmitex, em que as opções são 2 ou 3 espetinhos por R$ 15 e R$ 18, respectivamente, composto por arroz, feijão, mandioca, farofa e porção de creme de alho e vinagrete para uma pessoa. 

Também há o prato feito, em que o cliente se serve uma vez e tem direito a 2 espetinhos pelo valor de R$ 20.

Sobre as bebidas, não havia a opção de suco natural, apenas de caixinha por R$ 8 o litro. Uma Brahma de 600 ml sai a R$ 10, enquanto uma lata pequena de Fanta, de 220 ml, custa R$ 4. O Cliente Oculto escolheu a cerveja e o refrigerante e ambos estavam gelados. 

E o atendimento?

Assim que chegou ao estabelecimento, o Cliente Oculto perguntou sobre o cardápio para dar uma olhada nas opções de comidas e bebidas, mas o balconista disse que estavam sem menu.

Placa avisa os clientes sobre o reajuste de preços. (Foto: Jornal Midiamax)
Placa avisa os clientes sobre o de preços. (Foto: Jornal Midiamax)

Este foi realmente o ponto negativo da noite, já que, mesmo com o atendente respondendo sempre que solicitado, é mais prático ter o cardápio em mãos para avaliar com calma o que vai escolher. Tanto o balconista como o atendente foram prestativos e responderam todas as dúvidas.

O Cliente Oculto também percebeu que no salão não há ventiladores ou ar-condicionado, o que deve ser um problema em noites muito quentes. A maioria dos clientes escolheu ficar na parte externa, na última sexta-feira (2), por volta das 19h30, quando estivemos no restaurante.

Compensa?

Como avaliação final, o Cliente Oculto recomenda o JP Espetinhos para o rodízio de espetinhos. As carnes são bem temperadas e os acompanhamentos têm um toque de comida caseira. 

Batata frita é uma das opções de acompanhamento. (Foto: Jornal Midiamax)
Batata frita é uma das opções de acompanhamento. (Foto: Jornal Midiamax)

O local é modesto e oferece um bom custo-benefício, especialmente, para famílias que desejam um local tranquilo para comer. A recomendação é que a pessoa avalie se tem apetite para encarar um rodízio ou se o mais adequado seria um prato feito generoso.

O JP Espetinhos funciona de segunda a sábado, das 18h30 às 22h30.

Veja os locais por onde o Cliente Oculto já passou: