Equipes encontram mais vítimas de avião na Ucrânia

A equipe de especialistas holandeses e australianos que examina a área do leste da Ucrânia onde caiu o avião da Malaysia Airlines terminou os trabalhos deste sábado com a recuperação de mais corpos de tripulantes do voo. O governo holandês confirmou em comunicado que as tarefas de hoje foram concluídas, em uma área próxima a […]
| 02/08/2014
- 19:33
Equipes encontram mais vítimas de avião na Ucrânia

A equipe de especialistas holandeses e australianos que examina a área do leste da Ucrânia onde caiu o avião da Malaysia Airlines terminou os trabalhos deste sábado com a recuperação de mais corpos de tripulantes do voo.

O governo holandês confirmou em comunicado que as tarefas de hoje foram concluídas, em uma área próxima a uma granja na pequena cidade de Grabavo, onde o avião do voo MH17 caiu com 298 pessoas a bordo.

A emissora pública holandesa “NOS” informou que algumas granadas explodiram hoje perto de onde os especialistas operavam, como disse o porta-voz da missão holandesa na Ucrânia, liderada por Pieter-Jaap Aalbersberg, mas isso não os impediu continuar o trabalho.

Os separatistas pró-Rússia negaram ter disparado essas granadas e acusaram as forças de Kiev.

Todos os restos humanos localizados hoje, assinalou o governo da Holanda, serão levados para a cidade de Soledar para serem enviados “o mais rápido possível” à Holanda, onde está sendo realizado o trabalho de identificação das vítimas.

Uma equipe de 70 especialistas holandeses e australianos já tinha localizado na sexta-feira outras partes de corpos no local do acidente, onde finalmente puderam entrar apesar da continuidade dos combates entre as forças do governo e os separatistas, que controlam parte do leste da Ucrânia.

Últimas notícias