Em pouco mais de um mês, TRE-MS registra 97 denúncias de infrações eleitorais

No ar desde o dia 7 de julho deste ano, o Web Denúncia do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) registrou até esta quinta-feira (21) 97 infrações eleitorais. A maior parte delas, 30, é de propaganda eleitoral por mensagens eletrônicas e telemarketing. Outras 17 denúncias são de compra de voto, arrecadação ou […]
| 21/08/2014
- 23:33
Em pouco mais de um mês, TRE-MS registra 97 denúncias de infrações eleitorais

No ar desde o dia 7 de julho deste ano, o Web Denúncia do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) registrou até esta quinta-feira (21) 97 infrações eleitorais. A maior parte delas, 30, é de propaganda eleitoral por mensagens eletrônicas e telemarketing.

Outras 17 denúncias são de compra de voto, arrecadação ou gastos ilícitos na campanha ou condutas proibidas aos agentes públicos e 15 registraram denúncia de propaganda por meio de fixação de placas, faixas, cartazes, outdoors, pinturas ou inscrições em bens particulares, público, de uso comum e fachadas das sedes de partidos, coligações e comitês de candidatos.

Em quarto lugar, com 14 denúncias, está a colocação de cavaletes, bonecos, cartazes, faixas, bandeiras e mesas para distribuição de material de campanha nas vias públicas.

Com sete denúncias aparecem a propaganda intrapartidária e distribuição de material gráfico; duas denúncias de carreatas, passeatas ou caminhadas, duas de reuniões políticas irregulares e uma de comício, regras de realização de debate e carros de som, amplificadores e auto-falantes.

Campo Grande lidera a lista de denúncias com 71 registros, 12 de Corumbá, 4 de Sidrolândia, 3 de Dourados e Nova Andradina e uma de São Gabriel do Oeste, Aquidauana, Ponta Porã e Naviraí.

Quem quiser denunciar alguma irregularidade à Justiça eleitoral pode fazer o cadastro da denúncia neste link.

Veja também

Fenômeno foi constatado na galáxia Grande Nuvem de Magalhães

Últimas notícias