Esportes

Jovem desencanta, e Palmeiras elimina ASA na Copa do Brasil

O primeiro tempo terminou com vaias

Diego Alves Publicado em 16/07/2015, às 01h48

None
gabrieljesuscomemoraceliomessiasgazetapress.jpg

O primeiro tempo terminou com vaias

Gabriel Jesus salvou o Palmeiras nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil. Jogando em Londrina, o time alviverde fez uma partida ruim contra o ASA, mas conseguiu avançar graças ao gol do jovem de apenas 18 anos, que nunca tinha balançado a rede como profissional. A vitória por 1 a 0 colocou o Palmeiras nas oitavas de final da competição, mas o adversário só será definido em sorteio.

Dois problemas do Palmeiras foram desenhados antes mesmo do jogo começar, o campo ruim e a escalação cheia de reservas. A falta de entrosamento dos jogadores junto com o péssimo estado da grama no Estádio do Café fizeram com que o time alviverde apresentasse um jogo muito feio desde o início. Como era de se esperar, controlou a posse de bola, já que o ASA ficou muito recuado, mas abusou de chutões e jogadas individuais que não deram em nada. O primeiro tempo terminou com vaias justíssimas da torcida.

No intervalo, o técnico Marcelo Oliveira resolveu tirar Leandro, que estava atrapalhando o ataque, para colocar o jovem Gabriel Jesus. O ASA continuou muito bem aplicado na marcação, interrompendo todas tentativas desorganizadas do Palmeiras. E no contra-ataque o time alagoano falhou sempre.

Então houve mais uma alteração no Palmeiras, agora bastante ousada – o atacante Dudu entrou no lugar do volante Andrei Girotto. E as duas trocas finalmente deram resultado aos 24min, já que Dudu participou da jogada que terminou com gol de Gabriel Jesus. Cleiton Xavier também foi importante no lance, se recuperando de uma atuação fraca até então. Isso bastou para acabar com qualquer esperança do ASA.

Jesus chorou

O garoto Gabriel ficou famoso por ser artilheiro nas categorias de base, mas estava demorando para fazer seu primeiro gol como profissional. Quando o momento finalmente aconteceu, ele se emocionou e até chorou durante a comemoração.

Praticamente esquecido no elenco do Palmeiras, o atacante Leandro foi resgatado pelo técnico Marcelo Oliveira. E ele fez aquilo que a torcida espera dele: nada. Mais uma vez saiu muito criticado pela torcida no Twitter, já que perdeu uma chance de gol de forma bizarra (em que estava impedido), errou passes e dribles e até atrapalhou uma cobrança de falta perigosa de Cleiton Xavier, desviando com as costas.

GOL

ASA 0 x 0 Palmeiras – 24min do 2º tempo

Foi uma bonita e rápida tabela do ataque palmeirense. Primeiro Cleiton Xavier tocou para Gabriel Jesus, que passou para Dudu. Depois ele lançou para Cleiton na ponta direita, que tocou rasteiro para Gabriel desviar com um toque para o gol.

Jornal Midiamax