Em Selvíria, cidade localizada a 399 km de , 32 pessoas já foram picadas por escorpiões em 2023. E o Centro de Controle de Vetores do município alerta a população sobre os cuidados que precisam ser tomados para evitar a proliferação do animal.

O escorpião-amarelo, que é o que vem sendo encontrado com frequência em Selvíria, é a principal espécie que causa acidentes graves, com registro de óbitos, principalmente em crianças.

Podendo medir até 7 cm de comprimento, o animal é de cor amarelo-claro e carnívoro. Alimenta-se de baratas, aranhas, podendo ocorrer inclusive canibalismo. Sobrevive sem alimentação por um tempo prolongado. Por existir apenas fêmeas, ele é capaz de se reproduzir sem a necessidade de acasalamento.

Dicas

São em locais com acúmulo de madeiras, entulhos, tijolos e folhagens que eles se alojam. E isso, muitas vezes, está no quintal ou na frente das residências. Por isso, é importante limpar estas áreas para evitar a proliferação de escorpiões.

Mesmo em locais onde não há entulhos que podem servir de abrigo para escorpiões, eles ainda podem ser encontrados, pois se movem através da rede de esgoto. Por isso, também é importante manter caixas de gordura, ralos internos e externos bem vedados pode evitar a passagem.

Sacudir e sapatos antes de utilizá-los para evitar acidentes também é uma importante precaução.

Em caso de picada por escorpião, é necessário procurar imediatamente a unidade de saúde da sua região ou CEM (Centro de Especialidades Médicas) para avaliar a necessidade de tratamento do acidente.

Saiba Mais