'Pregava o amor': Fiéis despedem-se de padre Adriano Alves, falecido aos 33 anos em Campo Grande

Velório de Padre Adriano Alves teve início às 9h, em anexo do Santuário Estadual Nossa Senhora do Perpétuo Socorro
| 05/06/2022
- 10:17
Padre Adriano
Foto: Reprodução | Facebook

A cada minuto que passa, mais gente chega ao Centro de Apoio aos Devotos, um anexo do Santuário Estadual Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Campo Grande, na manhã deste domingo (5). São fiéis em busca de prestar as últimas homenagens ao padre Adriano da Silva Alves, que faleceu no último sábado (4), aos 33 anos, em decorrência de uma infecção neurológica.

Padre Adriano estava internado no hospital da Unimed havia cerca de 20 dias. No sábado, seu coração parou de bater. Uma postagem nas redes sociais do Santuário ultrapassou, logo nas primeiras horas de hoje, milhares de curtidas, com mensagens de condolências e pesar pela partida precoce do sacerdote.

Não é à toa, portanto, que o velório reúna tanta gente. Querido pela comunidade católica, o padre redentorista era um rosto novo que, em pouco tempo, cerca de 5 anos, deixou sua marca. Ele foi descrito pelos presentes como acolhedor, pacificador e tolerante.

285866220 5228875457171129 388902528657680563 n - 'Pregava o amor': Fiéis despedem-se de padre Adriano Alves, falecido aos 33 anos em Campo Grande
Padre Adriano Alves faleceu aos 33 anos | Foto: Reprodução | Facebook

"Era um mensageiro de Deus, um anjo enviado por Ele. A gente percebia a diferença nele, era uma pessoa que trazia a presença divina à igreja. Alguém que vai fazer muita falta, ele pregava com fé, com inspiração, com amor. Padre Adriano Alves defendia a união das pessoas, a tolerância, o amor", comenta, com voz embargada, Aparecida Barbosa, de 51 anos.

Acompanhando a trajetória do padre desde o início, Ananias Araújo, de 55 anos, também compareceu ao velório. Emocionado, descreveu o pároco como alguém excepcional. "Era uma pessoa excelente, um menino que pregava o amor, o perdão, era um jovem que estava sempre feliz. Era muito acolhedor. O Senhor estava precisando dele lá em cima", disse.

Reitor do Santuário Estadual Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, padre Reginaldo Padilha conversou com o Jornal Midiamax enquanto acolhia nesta manhã. Após o velório, o corpo de padre Adriano será trasladado para (PR), onde será sepultado.

Adriano Alves
Velório de padre Adriano reúne fiéis para últimas homenagens neste domingo (5) | Foto: Henrique Arakaki | Midiamax

"Adriano era um padre dinâmico, jovem, sabia se conectar com as pessoas. Era um excelente padre. Pessoa muito abençoada, era um menino muito bom, uma pessoa muito querida pela comunidade. A igreja, sem dúvida, perde muito com a partida dele", comentou o padre Reginaldo Padilha. "A morte é sempre uma surpresa, infelizmente, ela bateu à nossa porta", acrescentou.

Padre Adriano Alves

Padre Adriano
O pároco durante homilia | Foto: Reprodução | Facebook

Nascido em 2 de julho de 1988, em Campo Grande, padre Adriano Alves cresceu na Paróquia Nossa Senhora da Guia, sob os cuidados dos redentoristas, onde foi sua ordenação.

Ele residia na Comunidade Redentorista do Santuário, em Campo Grande, e atuava também como Promotor Vocacional no Regional MS. O pároco foi ordenado sacerdote no dia 18 de outubro de 2019, na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Guia, em Campo Grande, sua paróquia de origem.

O sacerdote foi conhecido por seu envolvimento com a comunidade católica. Segundo a postagem da paróquia, quando tinha 19 anos de idade, padre Adriano desenvolveu uma série de trabalhos voltados a jovens e foi um dos idealizadores do Movimento da Juventude Missionária Redentorista, atualmente está presente em quase todo o Brasil.

Conforme a Arquidiocese de Campo Grande, padre Adriano Alves também era colaborador paroquial da Paróquia Pessoal Nossa Senhora da Saúde, tendo iniciado a formação sacerdotal em 31 de janeiro de 2016, chegando a servir em sua missão no Santuário ainda como Frater.

O velório teve início às 9h deste domingo (5), no Centro de Apoio ao Devoto e segue até as 12h. Em seguida, será celebrada a Missa de Exéquias pelo bispo Dom Vitório Pavanello.

Veja também

Em meio a temores por uma recessão internacional e a tensões internas no Brasil, o...

Últimas notícias