Proprietário de imóvel é multado em R$ 19 mil por extinção de vegetação de bioma protegido

O infrator suprimiu cerca de 1,2 hectares de área protegida sem autorização do órgão ambiental
| 25/02/2022
- 21:58
Cerca de 1
Cerca de 1,2 hectares de área de Mata Atlântica, bioma protegido por lei e sem licença para do órgão ambiental para dessedentação. - Divulgação/PMA

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Mundo Novo autuou infrator em R$ 19 mil por extinção ilegal de vegetação de bioma protegido para servir de local para os gados se hidratarem.

O proprietário do imóvel, do município de Eldorado, também foi autuado administrativamente por infração ambiental de supressão de vegetação de bioma protegido. 

Cerca de 1,2 hectares de área de Mata Atlântica, bioma protegido por lei e sem licença para do órgão ambiental para dessedentação, foram suprimidos.

Segundo o homem, ele tinha autorização do órgão ambiental, porém, ao analisar a licença apresentada a PMA verificou que a atividade autorizada não era compatível com a que foi realizada na propriedade. As atividades foram interditadas.

O infrator responderá por crime ambiental. A pena é de um a três anos de detenção, agravada pelo fato de ter ocorrido em bioma protegido. Ele também foi notificado a apresentar Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada junto ao órgão ambiental.

Veja também

Porém, em comparação a maio último, houve queda de 4,21%.

Últimas notícias