Baixo volume de chuvas pode levar MS a decretar emergência ambiental

Baixa precipitação pluviométrica nos últimos 30 dias
| 29/04/2021
- 01:28
Baixo volume de chuvas pode levar MS a decretar emergência ambiental
Seca no Rio Negro (acs)

Poderá ser decretado estado de emergência ambiental em Mato Grosso do Sul, devido ao baixo volume de chuva nos últimos 30 dias. A indicação é de condições de seca em todas as cidades de MS.

A informação foi dada após reunião da Sala de Crise do entre a ANA (Agência Nacional de Águas e Saneamento) e Semagro (Secretaria de , Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) na última segunda-feira (26).

“As informações repassadas pelos técnicos do Cemaden, do Inpe e do Serviço Geológico Brasileiro na reunião da Sala de Crise do Pantanal evidenciaram uma baixa precipitação pluviométrica nos últimos 30 dias. Além disso, o volume de chuva nos meses de janeiro a março deste ano ficou abaixo da média histórica e a previsão para os próximos 18 dias é de chuva irregular. Esse conjunto de fatores acenderam o alerta de seca, por isso já propusemos a Emergência Ambiental”, disse o secretário Jaime Verruck, da Semagro.

O Ministério do Meio Ambiente publicou a Portaria MMA Nº 78, no de março que declara estado de emergência ambiental em épocas e regiões específicas do País. No Estado, o período abrange os meses de maio a dezembro de 2021.

 

Veja também

Crânio e ossos humanos estavam ao lado de uma Escola Municipal

Últimas notícias