A Prefeitura de pretende gastar R$ 468 mil em compra de colchões para atender demandas da SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social). O valor é proveniente do Fmas (Fundo Municipal de Assistência Social).

Segundo o documento, a licitação possui cota reservada para participação de ME (Microempresas), EPP (Empresas de Pequeno Porte) e MEI (Microempreendedores Individuais).

Caso não haja empresa vencedora para a cota reservada, as cotas serão adjudicadas para as licitantes remanescentes, desde que pratiquem o da primeira colocada.

De acordo com o documento, o Executivo receberá as propostas até 19 de dezembro de 2022.

Confira o edital na íntegra clicando aqui.