Moradores de Ladário, distante 426 quilômetros de Campo Grande, apontaram verba do combate ao coronavírus usada para pagamento de folha salarial de servidores e do prefeito. Em link noticiado em seu site, o próprio Executivo municipal informa a prestação de contas do auxílio financeiro recebido pelo governo federal, destinado ao enfrentamento da doença.

Na parte de receitas, aparece uma lista com data e quantia recebida, além da especificação do dinheiro, como, por exemplo, recursos para saúde e assistência social. Já na área de despesa, são apontadas verbas no valor de R$ 18 mil e, como credor, ‘prefeito (folha)’, além de outras quantias com a palavra relacionada às secretarias municipais.

No detalhamento, o objeto é ‘pessoal e encargos em geral’ e a fonte ‘recursos destinados ao enfrentamento do Coronavírus’. Também é apontada despesa com órgãos de comunicação.

Em meio às informações sobre pagamento de salários, há também especificação de R$ 44 mil para uma fornecedora de produtos hospitalares, entre outros, destinados ao combate da doença naquele município.

O auxílio citado é o repasse da União a todos os municípios e estados do Brasil, aprovado em abril, em um total de pelo menos R$ 4 bilhões para adoção de ações de combate ao coronavírus. Segundo o Ministério da Saúde, o valor é um adicional ao que já é destinado para custeios de serviços ligados diretamente à saúde.

A reportagem tentou contato com a Prefeitura de Ladário pelo telefone disponibilizado na internet, além de email encaminhado pelo site do município, mas ainda não houve retorno. O espaço continua aberto para manifestação do Executivo municipal.