Compra de combustíveis feita pela prefeitura para abastecer a frota de Jateí será investigada em inquérito civil instaurado pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul). Os trabalhos correrão sob sigilo.

Conforme publicação no Diário Oficial desta quarta-feira (22), o procedimento preparatório de n.º 06.2019.00001079-4 foi convertido em inquérito para apurar irregularidades no processo de contratação municipal.

O caso será investigado pela Promotoria de Fátima do Sul. O responsável pela publicação será o promotor de Justiça Luiz Gustavo Camacho. O requerente do processo foi a ouvidoria do MPMS.