Rose Modesto deve anunciar Alberto Schlatter como vice em chapa ao Governo de MS

Reunião na terça-feira (2) com o Podemos deve formalizar indicação de Alberto Schlatter como pré-candidato a vice
| 31/07/2022
- 11:16
Alberto Schlatter Rose Modesto
Schlatter deve ser definido como vice de Rose em reunião nesta terça-feira (2) | Foto: Reprodução | Nathália Alcântara Jornal Midiamax

A chapa encabeçada por Rose Modesto (União ) ao Governo de Mato Grosso do Sul deve ser composta pelo produtor rural Alberto Schlatter, de Chapadão do Sul. A pré-candidata informou ao Jornal Midiamax neste domingo (31) que o nome do empresário deve ser definido em reunião com o Podemos prevista para a próxima terça-feira (2).

Filiado ao Podemos, Alberto Schlatter tem 82 anos e é um dos principais produtores de algodão do país, o principal de Mato Grosso do Sul, à frente do Grupo Schlatter, com sede em Chapadão do Sul. Em maio, o empresário já havia comunicado que seria primeiro suplente de Sérgio Harfouche, pré-candidato ao Senado Federal pela mesma legenda.

"Na terça-feira teremos essa reunião com o Podemos para alinhar e confirmar isso, com convicção e certeza. Schlatter é que tem história de dedicação a Mato Grosso do Sul. Está bem conversado, ele está projeto. Nosso grupo entende que ele é adequado, o setor produtivo também entende que ele agrega", detalhou Rose Modesto.

Schlatter é considerado um dos pioneiros no plantio de algodão em Chapadão do Sul, cujas empresas têm faturamento estimado em mais de R$ 100 milhões por ano. Atualmente, o empresário comanda a instituição filantrópica cristã Com Cristo no Cerrado, também localizada em Chapadão do Sul, após se aposentar da administração das empresas.

Candidatura definida

O nome de Rose Modesto como a candidata do União Brasil ao Governo de MS foi homologado em convenção realizada no último dia 22 de julho, em Campo Grande, em ocasião que também confirmou Luiz Henrique Mandetta como o nome do partido para o Senado.

"Depois de 44 anos, depois de onze governadores, teremos a oportunidade de ter uma governadora mulher", destacou Rose.

Durante o evento, a senadora e presidente do diretório regional da legenda, Soraya Thronike, já havia dito que o partido anunciaria o nome de um vice até o dia 15 de agosto. Até então o atual vice-governador de MS, Murilo Zauith - secretário-geral do União Brasil -, era um dos nomes mais cogitados para o posto.

Todavia, de acordo com Thronike, outros nomes estavam 'no páreo', caso o vice-governador recusasse o convite. "A construção é interna e não temos essa pressa. Temos 20 dias para retificar ou ratificar nossa convenção. Usaremos isso [prazo] de toda forma", pontuou.

Veja também

Prefeitura publicou resultado da licitação para iluminação pública

Últimas notícias