Governador eleito, Eduardo Riedel (PSDB) anunciou nesta terça-feira (13) que o atual secretário da Segov-MS (Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica de Mato Grosso do Sul) Eduardo Rocha (MDB) será secretário da Casa Civil. Flávio Cesar Mendes de Oliveira, que já atuou como secretário adjunto da Segov-MS, será titular da Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda).

Ana Carolina Nardes será mantida na SAD (Secretaria de Estado de Administração), Ana Carolina Ali Garcia na PGE (Procuradoria-Geral do Estado) e Hélio Peluffo deixa a prefeitura de para compor a Infraestrutura e Habitação.

Com isso, Ridel compõe a nova administração do Governo do Estado com três integrantes da equipe de transição e que já atuavam na gestão de Reinaldo Azambuja: Flávio Cesar, Ana Carolina Nardes e Ana Ali. Ao todo, cinco secretários foram anunciados. De acordo com Riedel, os demais serão divulgados até o final de dezembro.

“Não é uma discussão pessoal, é a capacidade que cada um tem de entregar”, declarou Riedel sobre critérios das escolhas. Sobre Barbosinha compor o secretariado, assim como atualmente faz o vice-governador Murilo Zauith, Ridel disse que ele vai ser “mais que um auxiliar”. “O Estado é grande, não tenho dúvida que o vice-governador estará junto com o governador ao conduzir os contratos de gestão junto com os secretários”, declarou.

Eduardo Rocha

Rocha é atualmente secretário de Governo e Gestão Estratégica de Mato Grosso do Sul e deputado estadual. Marido da senadora Simone Tebet (MDB), não tentou reeleição para deputado neste ano.

Rocha assumiu o cargo em 2021 e foi antes assessor parlamentar do sogro, o senador Ramez Tebet, e responsável pelo escritório político em .

Nos primeiros oito anos, consecutivos, o parlamentar foi o líder da bancada do MDB na Casa de Leis e, dessa forma, ele falava em nome dos demais que faziam parte do grupo, defendendo sempre o diálogo e a opinião dos colegas. Em 2019, assumiu a vice-presidência da e integrou a (Comissão de Constituição, Justiça e Redação), e era o vice-líder do governo do Estado na Assembleia.

Flávio Cesar

Flávio Cesar já foi vereador em Campo Grande e adjunto da Segov-MS (Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica). Atualmente faz parte da equipe de transição do Governo do Estado.

Hélio Peluffo

Hélio deixa a para compor o secretariado. Ele foi Secretário Municipal de Planejamento na administração do prefeito Aires Marques (1987 e 88), quando coordenou a execução do projeto CURA que resultou na pavimentação de dezenas de ruas de Ponta Porã. Elegeu-se vereador para mandato de 1989 a 1992 e é prefeito reeleito pela cidade.

Ana Carolina Nardes

Ana Carolina Araujo Nardes é advogada e pós-graduada em Direito Público e Controle Externo da Administração Pública. Já trabalhou em diversos órgãos públicos, como Polícia Federal e Governo do Estado do Paraná, tendo coordenado por sete anos o setor de compras e contratos da Presidência da República, em Brasília.

Em 2015, ingressou no cargo de Assessora Jurídica no Gabinete da Segov (Secretaria de Estado de Governo), onde permaneceu durante o primeiro mandato do Governador Reinado Azambuja. Em 2019, Ana assumiu a área de compras do governo, onde atuou como Secretária Especial, responsável por todas as aquisições de materiais e contratações de serviços do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul.

Ana Ali Garcia

Antes de assumir a PGE em março deste ano, Ana Ali ocupava o cargo de Consultora Legislativa do Estado. Ela ingressou em 2005 na PGE e, desde então, exerce a função de Procuradora do Estado. Entre 2008 e 2014, atuou no Gabinete da Procuradoria-Geral do Estado como Chefe da PGE/PAG (Procuradoria de Assessoria ao Gabinete). Já entre 2015 e 2016, estava na Chefia da PGE/CJUR (Coordenadoria Jurídica da Secretaria de Estado de Educação).

Ainda em 2016, passou a chefiar a PGE/CJUR-SEGOV (Coordenadoria Jurídica da Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica) e, em 2018, assumiu a Consultoria Legislativa do Estado (Conleg).